21.8 C
Sever do Vouga
Terça-feira, Maio 28, 2024
Publicidadespot_img

Aumento em mais de 100% as tarifas de resíduos urbanos

A Câmara de Sever do Vouga foi forçada a aumentar em mais de 100% as tarifas de resíduos urbanos para evitar perder a possibilidade de se candidatar a fundos europeus, segundo o presidente da autarquia Pedro Amadeu Lobo.

Pedro Amadeu Lobo (PSD), veio esclarecer, que este aumento que passa em média de 2,66 euros para sete euros mensais, é “uma imposição legal”, seguindo uma diretiva da ERSAR – Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos.

O assunto foi discutido na última sessão da Assembleia Municipal, realizada no passado dia 14 de Abril, na qual vários deputados deixaram criticas contra os aumentos “assustadores” das taxas de lixo.

Em resposta aos deputado, Pedro Amadeu Lobo explicou que o aumento reflete os acréscimos dos custos do tratamento dos resíduos urbanos da ERSUC – Resíduos Sólidos do Centro e da taxa de gestão de resíduos, desde 2021, que foram suportados pela autarquia até ao final do ano passado.

“No ano passado, os consumidores pagavam em tarifa apenas cerca de 14% do valor total dos custos inerentes aos resíduos urbanos, sendo 86% suportado pela autarquia”, adiantou.

“Fomos informados pela ERSAR que teríamos de refletir os acréscimos ao consumidor, o que, a não ocorrer, constituiria uma violação grave e impeditiva da câmara se candidatar a diversos fundos europeus”, explicou.

Apesar destes aumentos, o autarca assegurou que Sever do Vouga, no distrito de Aveiro, “continua a ser o município das redondezas que menos paga de tarifa de resíduos urbanos”.

Pedro Amadeu Lobo alertou ainda que é preciso melhorar o comportamento na gestão dos resíduos, com uma maior preocupação e envolvimento em reciclagem e reutilização, lembrando que, em 2023, iniciaram a distribuição gratuita de biocompostores, com o objetivo de diminuir a produção de lixo e a despesa de recolha.

O presidente da Câmara pediu ainda aos consumidores com carência económica para se deslocarem aos serviços municipais para aferir da viabilidade da atribuição da tarifa social.

Artur Arede
Artur Arede
Desde sempre ligado à comunicação, Artur Arede passou por órgãos nacionais, bem como por órgãos regionais, Rádio Soberania, RCV, etc. Atualmente, está ligado à comunicação, como subdiretor do Aveiro TV, Correio de Sever , Ribeirinhas TV e Jornal Abrigo.

artigos relacionados

SIGA-NOS

0FãsCurtir
0SeguidoresSeguir
0SeguidoresSeguir
Publicidadespot_img

artigos recentes